Buscar
  • Ricardo Zanon

Leandro Hassum revela à Sabrina: ‘Humorista não tem que ser engraçado o tempo todo’

O humorista Leandro Hassum participou do “The Walk Show”, série produzida e apresentada por Sabrina Sato em seu canal no Youtube. O projeto idealizado por Sabrina funciona como um talk show, que tem como atrativo um cenário e também um convidado diferente a cada episódio.

Em conversa com Hassum em um dos cartões-postais da capital, o Viaduto do Chá, ele falou sobre a nova fase do programa “ Tá pago”, do canal TNT, e também do filme “O amor dá trabalho”, que está para estrear, além de sua rotina atual entre Brasil e Orlando. “Eu como artista preciso do ócio criativo, e morar nos Estados Unidos me dá isso, porque aqui no Brasil sempre tem algo. Quando você está em Orlando, não tem o que fazer, então é lá que crio os meus shows, projetos e roteiro”, explica. Hassum contou que procura em outras culturas as referências para fazer um trabalho cada vez mais atual e dentro do que as pessoas esperam do humor. “Eu estudo muito! Não só a comédia do Brasil, mas a do Japão, a do Líbano, para entender do que as pessoas estão rindo hoje em dia”. Sobre a cobrança do bom humor por trás das câmeras, ele admitiu: “Humorista não tem que ser bem humorado o tempo inteiro, porque senão vão pensar que sou maluco”.

A dedicação do humorista também se estende à sua família - ele é casado há 23 anos com Karina Gomes e tem a filha Pietra, do qual assume não ter ciúmes e diz gostar do genro após pedir a sua filha em namoro de um jeito inusitado. “Com um avião, ele fez várias fumaças de coração”. O ator aliás diz com orgulho sobre sua mulher. “Ela foi guerreira! Passamos muito perrengue no começo da carreira. Aguentou muito coisa sozinha, quando a nossa filha era pequena. Tudo o que tenho e sou foi construído por ela”, admira.

Aos 46 anos, Leandro Hassum se mostra um artista muito vaidoso - Sabrina aliás elogia o humorista por aparentar estar mais novo, em comparação ao começo de carreira. “Eu fiz harmonização facial. Quando você emagrece, perde muita gordura, então algumas partes do rosto caem. Tem que ser vaidoso, só não pode perder a expressão facial”, conclui.


Link do episódio:



Créditos das Imagens: Paulo Troya

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo